Coronavírus: leitos de UTI têm mais de 70% de ocupação em 17 estados

A corrida pela abertura de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), necessários para tratar pacientes graves com Covid-19, leva em conta a elevada taxa de ocupação desse tipo de assistência no país.
Uma estimativa do Ministério da Saúde, registrada em documento interno de 27 de março, mostra que 17 unidades da federação têm mais de 70% dos seus leitos ocupados. O mapeamento foi feito com “informações fornecidas pelos entes”, em referência às instâncias e órgãos que podem regular leitos de UTI no país, como estados e municípios.
O ministério também avalia que é preciso criar mais de 1,6 mil leitos de UTI e mais de 22 mil leitos de enfermaria na primeira etapa de enfrentamento à doença, nos próximos 30 dias.
Segundo o último boletim do Ministério da Saúde, divulgado ontem, o novo coronavírus já matou 136 pessoas e infectou 4.256 em todo o país. São Paulo é o estado mais afetado até o momento, com 1.451 casos confirmados e 98 mortes, seguido do Rio de Janeiro, com 600 e 17 respectivamente. Todos os 27 estados já registraram casos, e 13 já têm óbitos. O balanço também aponta que houve 625 hospitalizações com confirmação de Covid-19.
Mato Grosso do Sul, Paraná e Minas Gerais: os piores
As piores situações no quesito taxa de ocupação de leitos de UTI estão em Mato Grosso do Sul (90,8%), Paraná (90%) e Minas Gerais (88,5%). As melhore são do Distrito Federal (59,1%), Amazonas (61%) e Acre (62%). O Rio aparece com 68,5% , e o Brasil com 78%.
Em nota na última sexta-feira, o ministério informou que a taxa de ocupação mais recente que a pasta tem é de 78% dos leitos de UTI no SUS, mesmo dado que consta no documento reservado. Informou ainda que “3.000 leitos de UTIs volantes” estão sendo custeados pela pasta, dos quais 540 tiveram distribuição iniciada.
Questionado sobre os dados do documento, que mostram elevadas taxas de vagas ocupadas em muitos estados, o ministério informou que elabora um plano para “desafogar e reduzir a ocupação de leitos de terapia intensiva, com medidas clínicas, de manejo de pacientes e de gestão”.
“Deve ser observado, ainda, que medidas adotadas pelos gestores locais já apontam quedas de ocupação de leitos de UTI de até 50%, como a suspensão de cirurgias não urgentes e redução de internações por trauma devido a diminuição da movimentação da população nas ruas”, afirma a nota, sem dar detalhes de onde já houve liberação de vagas.
O presidente do Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (Conass), Alberto Beltrame, que é o titular da pasta no Pará, afirma que medidas como suspensão de cirurgias e manejo de pacientes não surtem efeito na prática porque a pressão por leitos de UTI é imensa em todo o país.
— Ninguém tem uma reserva de leitos, porque as pessoas continuam tendo infarto, AVC e precisando de cuidados intensivos. No Pará, tenho fila de espera por leitos de UTI.
Segundo ele, a solução passa pela abertura de novos leitos, e cada estado avaliará a melhor forma de colocá-los em funcionamento. Na rede pública paraense, por exemplo, Beltrame planeja montar os leitos de instalação rápida que o Ministério da Saúde está disponibilizando nos espaços de enfermarias, conforme os casos apareçam.
O secretário também questiona a comparação que o ministério vem reiteradamente usando, que aponta que o Brasil tem três vezes mais leitos que a Itália, proporcionalmente à população.
— Esse raciocínio do Ministério da Saúde tem um problema: quantos desses leitos estão ocupados. A realidade no país é de demanda por esse tipo de cuidado intensivo, fila de espera, judicializações, diz Beltrame.
O mesmo documento da Saúde traz um cálculo da necessidade de novos leitos por estado. Segundo a pasta, 16 das 27 unidades da federação precisam criar, juntas, 1.623 leitos de UTI para os próximos 30 dias. No caso dos leitos de enfermaria, que podem receber casos menos graves, São Paulo é o único estado que, segundo estimativa da pasta, tem mais do que precisa. Os outros 26 estados juntos acumulam um déficit de 22.901.

 

Publicado em Política | Deixar um comentário

Municípios podem sofrer intervenção do MPPE

O procurador-geral de Justiça do Ministério Público de Pernambuco, Francisco Dirceu Barros, publicou neste sábado (28), uma recomendação aos municípios sobre a reabertura do comércio local. Os gestores que descumprirem as medidas sanitárias, especialmente as medidas de quarentena, poderão sofrer intervenção estadual.

“Todos os entes e diversos órgãos estão ensejando tentativas de contenção da pandemia da Covid-19. E, além disso, tem chegado ao conhecimento do Ministério Público de Pernambuco que alguns prefeitos promovem movimentos de flexibilização, ou até mesmo de descumprimento, das normas restritivas emanadas das autoridades sanitárias no âmbito federal e estadual. Assim estamos expedindo essa recomendação, alertando, principalmente, sobre as penalidades que podem decorrer do descumprimento”, afirmou o procurador-geral de Justiça.

Os promotores de Justiça de todo o estado foram orientados a notificar os prefeitos em suas respectivas localidades, sobre o conteúdo da recomendação. Além de adotar as providências necessárias para que as normas sanitárias federais e estaduais sejam cumpridas em todos municípios de Pernambuco, promovendo, inclusive, medidas administrativas ou judiciais. O promotor de Justiça pode solicitar, inclusive, reparação dos danos materiais, caso seja criado ônus financeiro ao Sistema Único de Saúde (SUS), decorrentes do descumprimento.

A recomendação foi encaminhada aos promotores de Justiça de todo o estado e também para a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) para que seja dada ampla divulgação aos gestores municipais. “O afrouxamento das normas de quarentena impostas pelo Estado de Pernambuco, sem qualquer estudo técnico, poderá colocar em risco o sucesso das ações de enfrentamento da pandemia, vindo a provocar não só a falência do sistema de saúde pernambucano, como muitas vidas perdidas”, reforçou o PGJ no documento.

diário de Pernambuco

Publicado em Política | Deixar um comentário

Quadrilha é presa pela PM em Floresta

No final da tarde deste sábado (28), foi realizado uma operação conjunta envolvendo os efetivos da GT 1031, ROCAM do Pelotão de Floresta, no Sertão pernambucano, juntamente com o BEPI, para deter um grupo de pessoas que estavam em comunhão de desígnios para praticar assaltos na região.

De acordo com a PM, ao se deslocarem até o local indicado na periferia da cidade de Floresta, o grupo tentou fugir da abordagem pulando muros e adentrando em residências, porém, logo foi acompanhado pelo policiamento e abordado.

Após uma abordagem minuciosa no local onde eles estavam, foi encontrada uma porção de maconha pronta para o consumo (cerca de 115 gramas aproximadamente). Por trás da residência foi localizada escondido em meio a vegetação uma espingarda de fabricação artesanal, vários casacos camuflados e bandanas que eram utilizados para se camuflar e praticar assaltos em estradas vicinais.

Ainda foi encontrado junto com um dos ocupantes um celular queixado por furto na cidade de Floresta. No decorrer da diligência foi localizada uma moto CG Titan com queixa de roubo datada do dia 25 de março de 2020, quando 04 elementos armados efetuaram um roubo em uma estrada vicinal. Até o momento a polícia não deu detalhes.

Foram presos na ocasião quatro homens com idades que variavam entre 18 e 31 anos. Todos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil para serem adotadas as medidas cabíveis.

Blog do Elvis

Publicado em Política | Deixar um comentário

Governadores prometem reagir a eventual decreto de Bolsonaro

Governador Paulo Câmara/Foto: Aluísio Moreira/divulgação/SEI
Governadores estudam acionar a Justiça se o presidente Jair Bolsonaro cumprir a sua vontade e assinar um decreto para liberar setores da economia a voltarem a funcionar.Bolsonaro disse neste domingo (29) que pensa em liberar a volta ao trabalho para quem precisa.
Os mandatários estaduais se disseram indignados com a atitude do presidente, que neste domingo contrariou a orientação do Ministério da Saúde e circulou por Brasília cumprimentando apoiadores.
A avaliação feita em um grupo de WhatsApp com governadores do Nordeste é que o presidente continua “inflando” o incêndio em vez de sentar à mesa e liderar o país frente aos desafios da pandemia.
“Ele tem que parar de fazer política, parar de fazer intriga e assumir a função que a maioria do povo lhe deu de presidente da República. Cabe ao governo federal liderar esse processo e não ficar alimentando crise”, afirmou o governador da Bahia, Rui Costa (PT).
Costa disse que os estados vão continuar acionando a Justiça caso alguma medida do governo ponha em risco a população.”Não vamos permitir”, afirmou. “O que os governadores querem é que o presidente assuma suas responsabilidades de coordenar as ações de saúde pública para salvar vidas humanas.”
“Parece que todos nós estamos vivendo um grande pesadelo e o presidente brincando”, conclui.
A mesma posição foi adotada pelo governador do Pará, Helder Barbalho (MDB). “Aqui, não vamos recuar. Se for necessário, iremos até à Justiça”.
Outros dois governadores também se mostraram indignados com o presidente. Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco, disse ser “totalmente contra” a medida estudada pelo presidente. O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), também criticou.”Que ele assuma as responsabilidades”, disse, sobre a possibilidade de se agravar a pandemia no país.
O governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), também reagiu às declarações do presidente. “Amanhã, segunda-feira, 30 de março, assino decreto renovando as medidas restritivas. Essa decisão é baseada na avaliação da OMS [Organização Mundial de Saúde] e das autoridades sanitárias. Não desafie o coronavírus. Não siga atitudes impensadas e descoladas da realidade”, disse, em postagem nas redes sociais.
Witzel pediu que as pessoas não se orientem por “irresponsáveis”.”Olhe o que aconteceu nos países nos quais as pessoas não acreditaram nas consequências desse vírus. Não se oriente por ações irresponsáveis de quem quer que seja. Mantenha-se em casa. Os fluminenses podem ter certeza de que vamos, juntos, vencer essa doença”, disse.
O governador do Rio já orientou sua assessoria jurídica a recorrer de toda decisão que vá contra as medidas restritivas implementadas no Rio.
A reportagem ouviu também, de maneira reservada, um governador da região Sul do país, que disse esperar que o presidente recue da medida e que vai manter as restrições em seu estado, mesmo que para isso tenha que acionar o Judiciário.
Bolsonaro disse ao chegar no Palácio do Alvorada, após passear por Brasília, que estuda um novo decreto.
“Eu estou com vontade, não sei se eu vou fazer, de baixar um decreto amanhã: toda e qualquer profissão legalmente existente ou aquela que é voltada para a informalidade, se for necessária para levar o sustento para os seus filhos, para levar leite para seus filhos, para levar arroz e feijão para casa, vai poder trabalhar”, afirmou.
No sábado, o presidente Jair Bolsonaro foi alertado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes sobre o excesso de judicialização. Quem também conversou com o presidente sobre o assunto foi o procurador-geral da República, Augusto Aras.
Por: Folhapress
Publicado em Política | Deixar um comentário

Prefeito de São Bernardo é internado na UTI, após piora em quadro de coronavírus

Por Fabricio Lobel, TV Globo

O prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando (PSDB), de 45 anos, foi internado neste domingo (29) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São Luiz, unidade de São Caetano do Sul, após ter seu quadro respiratório agravado em decorrência do coronavírus.

Segundo a Prefeitura de São Bernardo, município da Grande São Paulo, nesta semana, ele estava em quarentena em casa, mas neste domingo, o médico passou em sua residência e constatou que a oxigenação estava muito baixa. Diante de maior risco, decidiu encaminhá-lo ao hospital para cuidados na UTI, visando sua recuperação.

Morando apresentou os primeiros sintomas na segunda-feira (23). Na quarta-feira (25) testou positivo para o Covid-19 e depois disso o prefeito não apresentou melhoras.

O resultado positivo foi divulgado por ele em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais, onde Orlando Morando, tossindo muito, comunicou o teste positivo para o coronavírus e mostrou o documento.

“Tomei e vou continuar tomando todas as medidas para proteger a cidade. Fui para linha de frente e infelizmente vou aqui comunicar a vocês que também fui atingido. É triste? É triste, né?! Tá aqui meu exame, que diferente do presidente da República, não tenho medo de mostrar. Infelizmente deu positivo. É muito triste, porque não queria que isso tivesse acontecido, mas estou firme”, afirmou Morando.

Publicado em Política | Deixar um comentário

Brasil agora contabiliza 116 mortes e 3,9 mil infectados por coronavírus

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até 9h de domingo (29), 3.936 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil com 116 mortos, 84 deles em São Paulo, de acordo com a secretaria de Saúde do estado.
Em São Paulo, outras duas mortes foram confirmadas: uma por um hospital e outra por uma universidade, somando 118. Os casos ainda não foram contabilizados pela secretaria.
Na Bahia, foi confirmada na manhã deste domingo (29) a primeira morte por coronavírus no estado. Um paciente de 74 anos que fazia diálise e estava em um hospital particular. O número de casos no estado está em 127.
O Rio Grande do Norte, que tem 45 casos confirmados da doença, teve o primeiro registro de morte na noite de sábado.
Ontem (28), o Piauí registrou a primeira morte provocada pela doença e mais dois casos. A vítima foi o prefeito da cidade de São José do Divino, Antônio Nonato Lima Gomes, de 57 anos. Minas Gerais passou dos 200 casos confirmados.
Pernambuco agora tem 5 mortes e 68 casos.
O avanço da doença está acelerado: foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). No entanto, os outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias (de 21 a 27 de março). (G1)
Publicado em Política | Deixar um comentário

Secretária de Saúde de Tabira ingressa no PT para ser vereadora

Reforçando sua chapa proporcional, o Partido dos Trabalhadores ganhou ontem o ingresso da Secretária Municipal de Saúde de Tabira, Zeza Almeida.

Considerada como nome de confiança do prefeito Sebastião Dias, Zeza que chegou a dividir opiniões na equipe de governo como pré-candidata a prefeita, perdeu terreno para o Secretário de Administração Flávio Marques e assim é nome certo para disputar o mandato de vereadora.

O deputado federal, Carlos Veras, abonou sua ficha de filiação. A informação é do Blog do Finfa.

Publicado em Política | Deixar um comentário

 

Prefeitura divulga vídeo e tranquiliza população sobre nível do Rio Pajeú em Floresta, PE

A Prefeitura de Floresta, no Sertão de Pernambuco, divulgou nesta quinta-feira (26) por meio de suas redes sociais um vídeo no qual tranquiliza a população acerca do nível do Rio Pajeú na cidade.
Durante o vídeo, o Secretário de Produção Rural, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Túlio Laranjeira reforçou que desde quarta-feira (25) está sendo feito o monitoramento diário da Barragem de Serrinha, juntamente com o Conselho de Usuários da Barragem de Serrinha, Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC) e Defesa Civil Estadual.
Matérias relacionadas: Defesa Civil de Floresta emite comunicado acerca da Barragem de Serrinha
Passagem molhada alaga e dificulta travessia de moradores em Floresta, PE
Ainda de acordo com Túlio Laranjeira, após medição realizada nesta quinta (26) foi constatado que o nível do reservatório está em 71% de sua capacidade e diferente do que dizem boatos a barragem não está “sangrando”.
No vídeo ainda foi pedido que a população mantenha a calma e fique atenta para não realizar a disseminação de Fake News.

Via Blog do Elvis/NE10
Publicado em Política | Deixar um comentário

Chuvas fortes desabrigam sertanejos. Veja os municípios com os maiores índices em Pernambuco

As chuvas desta semana não deram trégua para o Agreste e o Sertão pernambucano, fazendo transbordar 16 barragens, além de pequenos riachos. Entre a quarta e quinta-feira, dezenas de famílias ficaram ilhadas nos municípios de Serra Talhada, Afogados da Ingazeira, Sertânia, Carnaíba, Arcoverde e Terra Nova e precisaram ser resgatadas de suas casas.

Pelo menos 150 famílias precisaram ser realocadas para alojamentos em escolas municipais, contrariando as recomendações de saúde de evitar aglomerações e manter as condições mínimas de higiene devido à Covid-19. Além dos desabrigados, as chuvas derrubaram árvores, destruíram de rodovias e bloquearam estradas rurais. Previsão da Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) é de mais chuva para esta sexta-feira (27). Outras seis barragens estão com quase 100% de sua capacidade e ameaçam verter.

Em Afogados da Ingazeira, onde parte de um bairro da cidade foi inundado pelo Rio Pajeú, o prefeito José Patriota decretou estado de calamidade pública. O município já tinha decretado situação de emergência devido à pandemia do novo coronavírus. “Ainda não sabemos o tamanho do prejuízo financeiro. Uma parte do bairro Borges ficou debaixo d’água, destruindo 20 casas. Quarenta famílias estão desabrigadas. Um trecho da PE- 292, que dá acesso ao Recife, ficou completamente destruído. Em toda a zona rural, as estradas foram destruídas pelas águas porque muitos pequenos açudes estouraram. Estamos apreensivos porque ainda temos outras áreas de risco. Nós estamos monitorando o nível do Rio Pajeú caso a gente precise tirar outras famílias nas próximas horas”, detalhou Patriota.

Nesta quinta-feira (26), o Corpo de Bombeiros precisou ser acionado para retirar os moradores ilhados em Serra Talhada, também no Sertão pernambucano. Pelo menos quatro viaturas, duas embarcações e 41 homens do Corpo de Bombeiros foram escalados para resgatar as pessoas. Os 100 mm de chuvas que caíram em Iguaracy foram para a Barragem do Rosário e de lá correram para a Barragem de Brotas, que desaguou no Rio Pajeú, inundando Afogados da Ingazeira, Carnaíba e Serra Talhada.

Segundo a Apac, em alguns municípios como Afogados da Ingazeira, choveu 128mm da quarta para a quinta-feira. Em Triunfo choveu 143mm no mesmo período e em Terra Nova, 134mm. Segundo o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, onde tem chovido mais de 100mm em um único dia, a administração municipal chegou a alertar a população sobre a iminência de uma enchente. Não deu outra. Por volta das 22h da quarta-feira (25), a água do Rio Pajeú desceu com força, inundando todo o centro comercial e as áreas mais baixas da cidade, desde o mercado público até o bairro Bom Jesus. “Alguns comerciantes já tinham retirado suas mercadorias por conta do aviso que demos. Mas infelizmente nem todos deram ouvidos e muitos comerciantes perderam praticamente tudo, numa situação econômica de crise como a que estamos vivendo. Na parte mais baixa da cidade, a água chegou a três metros de altura”, contou Luciano. A prefeitura de Serra Talhada decretou situação de calamidade pública, após estar em situação de emergência. “De 2013 para cá, vivemos um período de muita seca e tristeza. E 2020 chegou com esse dilúvio. Mas agora estamos pedindo a Deus que não mande mais chuva, porque a situação é preocupante. Muitas barragens continuam a verter. Já temos 50 famílias em abrigos, pelos menos 200 pessoas aglomeradas numa situação como essa do coronavírus”, lamentou o prefeito. Até o momento, não houve registros de vítimas fatais em nenhum município atingido pelas fortes chuvas. “A grande perda é econômica. Ainda estamos fechando o relatório de danos. Estradas rurais estão bloqueadas, ruas afundaram, houve a destruição de patrimônio”, relatou. Em Sertânia, que também decretou situação de calamidade pública, 90 casas foram atingidas pelo transbordamento do Rio Moxotó e 45 famílias estão desalojadas e abrigadas numa. “Alguns bairros ficaram ilhados com a enchente, porque na nossa região além dos rios, muitos riachos e córregos sangraram, causando muitos estragos nas estradas também. Na BR-232, ninguém passava. E as rodovias PE-265 e PE-280 estavam com as passagens interrompidas pelo transbordamento dos rios. Para tentar minimizar a situação das famílias, vamos pagar um aluguel social por três meses e já compramos cestas básicas e lençóis”, disse o prefeito de Sertânia, Ângelo Rafael Ferreira. Segundo o gerente de segurança de barragens da Apac, Felipe Alves, o que tem provocado o transbordamento dos rios e as inundações é o acumulado de chuvas nas calhas e nas cabeceiras dos rios da região e não apenas o sangramento das barragens. “Tivemos confirmação do transbordamento e rompimento de pequenas barragens, algumas em propriedades particulares, mas elas sozinhas não ocasionariam tamanha vazão nos rios. Eles estão sangrando e causando enchentes porque fortes chuvas atingem os cursos d’água”, explicou Felipe.

Vejam os municípios pernambucanos que registraram maior índice de chuvas da quarta (25) para a quinta-feira (26):

Triunfo – 143 mm

Terra Nova – 134 mm

Afogados da Ingazeira – 128mm

São João – 104 mm

Lajedo – 95 mm

Dormentes – 95 mm

Municípios com maior acumulado de chuva em março

Carnaíba – 601 mm

Afogados da Ingazeira – 501mm

Sertânia – 480,9 mm

Iguaracy – 464,5 mm

Serra Talhada – 300 mm

Barragens transbordando

Poço Grande (Serrita), Jazigo, Cachoeira II, Brotas, Barriguda, Chinelo, Sítio dos Moreiras, Barra, Rosário, Cachoeira I, Tabocas-Piaca, Ingazeira, Poço Fundo, Santana II, São Jacques Machado.

Barragens com mais de 90% de sua capacidade

Barrinha, Lopes II, Mundaú II (Cajueiro), Mundaú Pau Ferro (Una), Matriz da Luz.

Fonte: Apac/Diário de Pernambuco

Publicado em Política | Deixar um comentário

Acusado de homicídio próximo ao lixão de Tabira foi preso

Alex B. C. N.
Após covardemente tira a vida da vítima JUCELINO DAVI DA SILVA, Idade 43 Anos, morador do Sitio Mulungu, Comunidade mais conhecida pelo nome de Caititú, com 11 golpes de faca, uma delas chegando a corta o pescoço da vitima, sem chance de defesa, o homicida fugiu do local do crime.
Durante a Operação de Combate ao CVLI e CVP a GT de Tabira foi informada pela permanência da 2ª CPM que o suspeito de ter cometido o homicídio no dia 25.03.2020, por volta das 22h, estava escondido em uma casa.
O policiamento realizou diligências com o apoio da ROCAM, ROMU e RONDAC (sendo estas duas últimas equipes da guarda municipal de Tabira-PE) e localizaram Alex B. C. N., 29 anos, agricultor, residente no Sítio Lagoa da Boa Vista, Município de Tabira-PE, próximo a casa dos pais da vítima, na residência de uma testemunha.
O acusado ao visualizar o policiamento tentou se evadir do local pulando o muro da casa e empreendendo fuga, vindo a ser capturado. Embora o efetivo não tenha encontrado a arma do crime, o mesmo confessou tê-lo cometido.
Diante dos fatos, o mesmo foi apresentado à Delegacia de Polícia local, onde foi autuado em flagrante delito.
Mais Pajeú
Publicado em Política | Deixar um comentário

Djalma Alves reclama de fala de Nelly. “Surpreende dizer que a prefeitura não fez nada”

O Prefeito de Solidão, Djalma Alves (PSB), disse hoje ao programa Rádio Vivo, da Rádio Pajeú, com Anchieta Santos, que não concordou com os termos usados pela vereadora Nelly Sampaio ao dizer que “a prefeitura não tomou providências” em relação aos reservatórios no seu município.

“Me surpreende a Dra Nelly dizer que o município de Solidão não fez nada sobre a questão dessas barragens. Respeito a preocupação dela mas acho alarmante ela colocar dessa forma. Nós temos procurado fazer algo”.

Ele disse que o Secretario de Agricultura foi lá duas vezes e não fez alerta.”Não descarto possibilidade de estouramento. Mas vou essa manhã com pessoas do Governo do Estado. Essa barragem é do Governo do Estado. Esse alarde vem desde a sexta da semana passada. As pessoas deveriam verificar direito para não fazer esse tipo de coisa, pois assusta toda a população”.

O gestor disse concordar quando Nelly diz que tem toda preocupação. “Nós de Solidão também, mas precisamos ter cautela, para olhar direito, calcular direito. São 15 quilômetros de distancia de Zé Flor para Riacho do Gado. Se estivéssemos em noite chuvosa era oportuna a preocupação. Mas o rio não estava cheio”, comentou.

“O Açude de Mano suportou arrombamento de dois açudes maiores em suas cabeceiras, chegou a lavar sua parede no sábado da semana passada. O Riacho da Macambira que cai no Riacho do Gado, teve uma das maiores cheias. Maior que se houvesse problema do açude de Zé Flor”.

Essa manhã prefeitura de Solidão, IPA E Defesa Civil do Estado vistoriam e analisam o que fazer em relação à parede do açude. “Cada município responde sua parte, mas não acho conveniente atacar município vizinho. Quase perdi uma máquina tentando resolver e a pessoa dizer que o município de Solidão não fez nada. Era bom ela se expressar melhor. Temos que ter a responsabilidade de falar a verdade. Gera um transtorno”.

Prefeitura de Tabira emitiu alerta : segundo o Assessor de Comunicação da Prefeitura de Tabira e comunicador Júnior Alves, a orientação do alerta levado em carros de som no Bairro partiu das Secretarias de Administração, Agricultura e Defesa Civil. O aviso alertava para que, quem tivesse familiar fora da comunidade deixasse o lugar e mantivesse estado de atenção, diante do risco de reservatórios, citando especificamente o Riacho do Gado.

Nill Júnior

Publicado em Política | Deixar um comentário

Bancos podem alterar horários de funcionamento por causa do coronavírus

Os bancos do país vão alterar os horários de funcionamento e atendimento ao público devido à pandemia do novo coronavírus.

A determinação partiu do Banco Central e foi publicada nesta segunda-feira (23) no Diário Oficial da União. O Banco Central alega que “assegurada a prestação dos serviços essenciais à população, as instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil devem ajustar o horário de atendimento ao público de suas dependências”.

As alterações devem perdurar enquanto o Brasil estiver sob situação de risco à saúde pública por causa do novo Coronavírus.

Publicado em Política | Deixar um comentário

Campanha de vacinação contra gripe começa hoje em todo o país

Têm prioridade na primeira etapa idosos e trabalhadores da saúde

vacinação contra gripe

Começa nesta segunda-feira (23) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. De acordo com Ministério da Saúde, nesta primeira etapa os públicos prioritários são idosos e trabalhadores da saúde. Mais duas etapas serão realizadas para públicos diferentes.

Ao todo, a campanha pode atingir cerca de 67,6 milhões de pessoas em todo o país. A meta é vacinar, pelo menos, 90% de cada um desses grupos até o dia 22 de maio. Para alcançar esse público foram investidos R$ 1 bilhão na aquisição de 75 milhões de doses da vacina.

O dia “D” de mobilização nacional para a vacinação acontece em 9 de maio (sábado). Nessa data, os 41 mil postos de saúde ficarão abertos para atender a todos os grupos prioritários. Neste ano, a campanha foi antecipada de abril para março para reforçar a proteção aos públicos prioritários contra os vírus mais comuns da gripe.

Novo coronavírus

A vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus. No entanto, em virtude da pandemia de coronavírus, poderá auxiliar profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para o covid-19, já que os sintomas são parecidos.

Segundo o ministério, casos mais graves de infecção por coronavírus têm sido registrados pelo mundo em pessoas acima de 60 anos, grupo que corresponde a 20,8 milhões de pessoas no Brasil. Por isso, a primeira etapa da campanha contempla esse público.

Próximas etapas

A etapa seguinte da campanha terá início no dia 16 de abril, com o objetivo de vacinar doentes crônicos, professores (rede pública e privada) e profissionais das forças de segurança. A última fase, que começa no dia 9 de maio, dará prioridade a crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com 55 a 59 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas com deficiência, povos indígenas, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

Até o momento, o Ministério da Saúde enviou aos estados 15 milhões de doses e mais 4 milhões serão distribuídas até o fimde março.

A vacina, composta por vírus inativado, é trivalente e protege contra os três vírus que mais circularam no Hemisfério Sul em 2019: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2).

Agência Brasil

Publicado em Política | Deixar um comentário

Chuvas causam transtornos em Tabira

As fortes chuvas que caiaram na madrugada deste domingo (23), provocaram alguns prejuízos na cidade de Tabira. Os 70mm registrados pelo IPA na zona urbana fizeram o conhecido Canal da Granja, que corta a cidade transbordar.

Na cidade, esgotos não suportaram a força da água. Na Rua Nova na entrada do bairro do Riacho do Gado, casas foram invadidas pela água, destruindo moveis, deixando moradores ilhados.

As águas do Riacho de Tabira estão desaguando no Rio Pajeú.

Em Afogados da Ingazeira foram registrados 14mm, em Carnaíba 33mm. O destaque além das chuvas da madrugada de ontem foram relâmpagos e trovões que assustaram muita gente. Com informações do comunicador Anchieta Santos, das rádios Pajeú FM, e Cidade FM, de Tabira, para o Blog PE Notícias.

Publicado em Política | Deixar um comentário

 

Chuvas causam transtornos em Tabira e Sertânia. Em Iguaracy, Rosário sangra

As fortes chuvas que caiaram na madrugada do domingo provocaram alguns prejuízos na cidade de Tabira.

Os 70 milímetros registrados pelo IPA na zona urbana fizeram o conhecido Canal da Granja que corta a cidade transbordou. Na cidade esgotos não suportaram a força da água.

Segundo o radialista Anchieta Santos no programa Rádio Vivo, na Rua Nova, na entrada do bairro do Riacho do Gado, casas foram invadidas com a água destruindo moveis, moradores ilhados.

Muita água do Riacho de Tabira está desaguando no Rio Pajeú. Em Afogados da Ingazeira foram registrados 14 milímetros, com Carnaíba registrando 33 milímetros.  O destaque além das chuvas da madrugada de ontem foram relâmpagos e trovoes que assustaram muita gente.

Em Sertânia, as chuvas da madrugada desta segunda-feira (23) causaram muitos transtornos. Em algumas comunidades rurais como Campos de Baixo e cacimbinha do Rio Grande, foram 80 milímetros em média.

Rosário sangrando: As fortes chuvas que seguem caindo no sertão do Pajeú fizeram mais uma barragem sangrar.  Ontem, às 18h, foi a vez da barragem do Rosário no município de Iguaracy com capacidade de 35 milhões de metros cúbicos.

São 12 anos que a Rosário não sangrava. Em sua historia sangrou apenas nos anos de 2004 e 2008. As águas descem para a barragem de Brotas em Afogados da Ingazeira que já vem sangrando desde a semana passada.

Nill Júnior

Publicado em Política | Deixar um comentário

Paciente com suspeita de coronavírus morre em Monteiro

A Prefeitura de Monteiro, através da Secretaria Municipal de Saúde, vêm a público informar que o paciente de iniciais J.H.N., de 67 anos, residente no município de Zabelê, internado neste sábado, 21, no Hospital Regional Santa Filomena, em Monteiro, apresentando sintomas de gripe, tosse e febre, veio a óbito no final da tarde deste domingo, 22.
A Secretaria de Saúde informa que não existe confirmação de contaminação do coronavírus e aguarda o resultado do material recolhido e encaminhando ao LACEM, cujo resultado só deve ser revelado nos próximos dias.
A Prefeitura de Monteiro lamenta o falecimento do paciente, ao mesmo tempo que ressalta todo o empenho da equipe de Saúde do Município e do Hospital Regional Santa Filomena.
Monteiro, 22 de março de 2020.
ANNA LORENA DE FARIAS LEITE NÓBREGA
Prefeita
Mais Pajeú
Publicado em Política | Deixar um comentário

Não vai faltar arroz, feijão e carne na mesa do brasileiro, diz ministra da Agricultura

Supermercados

Os alimentos básicos da mesa do consumidor brasileiro não correm nenhum risco de desabastecimento. A afirmação é da ministra da Agricultura, Tereza Cristina. “Nem o arroz, nem o feijão, nem a carne, nem o frango faltarão. O Brasil é uma potência que está colhendo a melhor safra dos últimos tempos. Não vai faltar. Não existe risco de desabastecimento. O que pode haver, e estamos trabalhando para que não ocorra, é apenas problemas de fluxo de mercadoria”, disse Cristina.

As imagens recorrentes de mercados com prateleiras vazias têm deixado por parte da população preocupada, que passou a estocar, em grande volume, alimentos básicos consumidos pela população. Tereza Cristina diz que é um movimento compreensível, porque as pessoas agem por impulso e tensão, mas que não há razões para se preocupar.

“A questão é a logística. As pessoas devem ficar calmas. É uma crise complicada e a tendência das pessoas é a de ir ao supermercado comprar excesso de comida para estocar, porque não sabem quantos dias vão ficar em casa. Mas é ter responsabilidade e não se alarmar. Nós estamos vivendo um momento difícil, mas vamos transpor isso da melhor maneira difícil”, comentou.

Nos dois últimos dias, a ministra da Agricultura se reuniu com as associações de supermercados, Ceasas, produtores, representações de caminhoneiros, de frigoríficos de boi e cooperativas de aves e suínos. “Estamos monitorando. O que pode haver é descontinuidade no fluxo dos produtos. É nisso que a gente está trabalhando, para que não aconteça. Temos que garantir a entrega do alimento, para que não tenha descontinuidade e chegue até as prateleiras do supermercado”, disse Cristina.

Hoje, 85% dos alimentos consumidos pelo Brasil são comprados nos supermercados, segundo os dados da Associação Brasileira de Supermercados (Abras). São 90 mil lojas em todo o País, se consideradas aquelas que possuem dois caixas ou mais. Semanalmente, 25 milhões de pessoas vão aos supermercados fazer compras.

“Estamos vivendo uma história sem precedentes, é verdade, mas não estamos vendo movimentos inflacionários desses alimentos”, diz João Galassi, primeiro vice-presidente da Abras. “A cadeia produtiva do País tem contado com a cooperação governamental, há uma continuidade do transporte, uma condição para que os funcionários e os produtos possam chegar aos locais. Então, hoje não há risco.”

Na avaliação de Galasso, a corrida das pessoas não está atrelada a uma preocupação de risco com desabastecimento, mas sim com a necessidade de ter que ficar retido em casa, em quarentena. “A população está se precavendo pelo fato de ter que ficar em casa, e não pelo desabastecimento.”

Grandes redes de supermercado têm feito campanhas de publicidade para pedir ao cidadão que não estoque alimentos, além de reforçarem que todos os produtos estão com suprimento garantido. Para Galasso, a situação tem exigido responsabilidade social e, fora casos específicos, não há inflação no preço dos produtos.

“O que posso garantir é que o setor está sendo extremamente responsável em abastecer o País, da mesma forma anterior ao coronavírus. Na mesa do cidadão, o setor segue responsável. O momento é de trabalho e respeito mútuo. Temos um papel nesse momento trágico e vamos cumpri-lo”.

Henrique Lian, diretor de relações institucionais da organização Proteste, afirma que ainda não há estatísticas que apontem aumento abusivo de preço nos itens básicos da alimentação, além dos casos conhecidos como álcool, álcool em gel e papel higiênico. Ele registra, porém, que tem havido alta nos preços do leite de caixinha e do leite em pó. “São itens mais fáceis de serem armazenados”, diz. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Publicado em Política | Deixar um comentário

Praias de Pernambuco serão interditadas a partir deste sábado (21)

Praias

As praias de Pernambuco serão interditadas a partir deste sábado (21). Foi o que afirmou o Governo do Estado em entrevista coletiva nesta quinta-feira (19).

A medida, aliás, faz parte do novo pacote de ações voltada para a contenção do coronavírus na região. Segundo o Secretário de Saúde, André Longo, apenas a prática de atividade física individual será permitida nas praias pernambucanas.

Durante a entrevista, Longo também anunciou que os moradores que integram o grupo que faz uso da tarifa social de água serão isentos de pagamento. Mais de 120 mil pessoas devem ser beneficiadas com a medida, especialmente no interior do estado.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Bruno Schwambach, por sua vez, destacou que o Governo vai criar um fundo para arrecadar recursos destinados ao controle do coronavírus. Os dados bancários, aliás, serão informados posteriormente mas a ideia, inclusive, é que as pessoas e empresas que desejam apoiar as ações de contenção possam, de fato, contribuir.

Publicado em Política | Deixar um comentário

Fotos chocantes mostram caminhões transportando caixões na Itália

Fotos chocantes mostram caminhões transportando caixões na Itália
A cidade de Bergamo não tem capacidade para tantos funerais.
Mais de uma dezena de caminhões militares atravessaram, na noite de quarta-feira, a cidade de Bergamo, no norte de Itália, com 60 caixões.
As fotografias, tiradas por fotógrafos da Reuters e por internautas que partilharam nas redes sociais, são impressionantes e chocam até os mais insensíveis.
O transporte dos restos mortais para cidades próximas como Modena, Acqui Terme, Domossola, Parma e Piacenza foi necessário porque o crematório de Bergamo, apesar de estar trabalhando 24 horas por dia, não tem capacidade suficiente para cremar todos os corpos das vítimas que faleceram com Covid-19, conta o Corriere della Sera.
O Exército está assim encarregado de transportar os restos mortais das vítimas do novo coronavírus para crematórios vizinhos e trazer de volta a Bergamo as cinzas que serão, posteriormente, entregues às famílias.
O número de vítimas mortais por Covid-19 na Itália já ultrapassou o número de óbitos devido à mesma doença na China, onde tudo começou.
Publicado em Política | Deixar um comentário

Devido ao coronavírus, Compesa isenta população de baixa renda de pagamento

Com as dezenas de casos do novo coronavírus confirmados em Pernambuco e a realização da quarentena pela população, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) decidiu isentar de pagamento os mais de 120 mil usuários enquadrados na categoria de tarifa social, enquanto durar a crise provocada pela Covid-19.
Além disso, a Compesa investirá R$ 9,5 milhões para ampliar a oferta de água na Região Metropolitana do Recife. Serão executadas obras de curto prazo beneficiando 250 mil pessoas.
Também estão inclusas nas novas medidas o aumento de 16 para 40 no número de carros-pipa atendendo às comunidades e um incremento de captação de água de 20%, no Sistema Tapacurá, passando de 2.500 litros por segundo para 3.000. As ações serão imediatas e beneficiarão cerca de 150 mil pessoas.
Fonte: Folha de PE
Publicado em Política | Deixar um comentário